Conteúdo principal

férias

Compartilhe

Como se preparar – e preparar as crianças – para o retorno às aulas

Confira nossas dicas para lidar de maneira tranquila e positiva com a chegada de mais um novo ano letivo

O período de volta às aulas traz grandes mudanças na rotina, tanto para os pais quanto para as crianças. Para os pais, é o momento de comprar/organizar o uniforme e o material escolar dos pequenos, pensar na logística do “leva e traz” e, também, no lanche que os pequenos farão durante o recreio.

Já para as crianças, esse momento envolve toda a animação e ansiedade de encarar os novos desafios que vêm pela frente e os novos aprendizados que virão pela frente e, é claro, de rever os amigos e conhecer colegas novos.

Para lidar com o friozinho na barriga que vem com esse período, separamos algumas dicas que vão ajudá-lo a encarar a volta às aulas de maneira mais tranquila, ajudando-o a curtir esse momento.

CONVERSE COM O PEQUENO, ESTIMULANDO O DIÁLOGO

Antes de as aulas voltarem, aproveite para sentar e conversar com a criança para que, juntos, vocês reorganizem as suas rotinas. Aproveite esse momento para estreitar esse relacionamento com o pequeno. Assim, caso ele enfrente alguma dificuldade na escola, ele saberá que pode recorrer a você e que, juntos, vocês enfrentarão esse desafio.

ORGANIZE-SE E INCENTIVE A ORGANIZAÇÃO DAS CRIANÇAS

A melhor forma de educar uma criança é ensiná-la por meio do exemplo. Assim, para ajudar o pequeno a ser organizado e disciplinado e a manter as suas obrigações em dia, é importante que ele veja que você também segue uma rotina e tem disciplina com os seus afazeres.

É legal definir uma rotina de atividades a serem feitas durante a semana, separando o tempo para brincadeira e o tempo para estudos. Tanto você quanto a criança devem dar importância a essa organização e segui-la, sem que isso seja algo negativo. Muito pelo contrário! Que tal aproveitar esse momento para estreitar o relacionamento familiar?

Outra ação legal que pode ser incluída nesse “calendário semanal” é a leitura em conjunto. Estimular o hábito de leitura desde cedo é algo muito importante para o desenvolvimento das crianças e, ainda, você também adicionará essa ação à sua rotina. Ambos saem ganhando!

P.S.: apesar de o calendário semanal e a organização serem extremamente importantes, é fundamental saber dialogar e ser flexível caso surjam outras prioridades e eventos durante a semana. Essa organização não é uma punição e, sim, uma forma de desenvolvimento. Isso deve ficar claro para a criança. 

DÊ ATENÇÃO À PRIMEIRA SEMANA DE AULA

Apesar de não serem passados muitos conteúdos durante a primeira semana de aula, é nela que os pequenos poderão “conhecer o território” da escola – seja uma escola nova ou até mesmo a antiga. Isso porque, mesmo se tratando da escola antiga, a passagem de um ano letivo para outro traz consigo mudanças importantes na vida das crianças. Normalmente, é exigido um nível maior de disciplina, atenção e comprometimento conforme os alunos amadurecem.

Além de ser importante para ajudar os pequenos a pegar o ritmo do novo ano letivo, a primeira semana de aula também ajuda os pais a se ajustar aos horários da escola, de forma que eles podem programar a sua rotina conforme o horário de saída e de entrada do colégio.

TENHA UM BOM RELACIONAMENTO COM A ESCOLA E COM OUTROS PAIS

É importante que os pais estejam sempre atentos às atividades que acontecem na escola. Por isso, devem ficar de olho na agenda das crianças e manter um contato próximo com a coordenação e com os professores. Ainda, é legar que haja um relacionamento saudável com os outros pais de alunos da escola, pois encontros acontecerão com eles durante o ano letivo durante festas e eventos.

Os outros pais também estarão enfrentando os mesmos desafios que você, então, pode ser legal manter esse relacionamento para dividir angústias, sanar dúvidas ou encontrar soluções que possam estar incomodando os pequenos.

ENTENDA O SEU PAPEL NA EDUCAÇÃO DA CRIANÇA

Pais e responsáveis são parte fundamental no processo de educação das crianças. Por isso, é importante que os adultos estejam presentes e dispostos a ouvir e a ajudar os pequenos, auxiliando-os a sentirem-se mais seguros e confiantes. Esta é uma fase essencial no desenvolvimento das crianças e ela requer cuidado e atenção dos adultos.

Por isso, mantenha sempre o diálogo aberto e incentive o pequeno a lhe contar como foi o dia dele, quais foram as atividades que ele fez na escola, o que ele aprendeu, entre outros. Mostre interesse naquilo que ele está dizendo, faça perguntas, demonstre que, para você, é importante estar “por dentro” das coisas que são importantes para a criança. Assim, ela saberá que pode sempre contar contigo.

Agora você já está mais preparado para encarar o período de volta às aulas com mais tranquilidade e segurança. Gostou? Então continue acompanhando o Blog Assaí para conferir muitas outras dicas e informações para o seu dia a dia!

Você também pode
gostar de:

Compartilhe

Mantendo os pequenos entretidos durante as férias escolares

Junto com a chegada do final do ano, também se aproximam as férias das crianças. O que fazer para deixá-las sempre entretidas? Confira!

Verão, calor, 13º salário, festas de fim de ano, férias escolares... depois de vários meses esperando, finalmente se aproximam as várias atrações que fazem parte dos meses de novembro e de dezembro. Junto com todas essas atividades, também aumenta o tempo livre que a criançada tem, afinal, é mais de um mês sem seguir a rotina tradicional, né?

Porém, não é preciso se preocupar. Separamos para você algumas sugestões de como manter os pequenos entretidos durante as férias escolares e, de quebra, fortalecer os laços com eles. Confira!

CONHECENDO A CIDADE

No Brasil, durante os meses de novembro e dezembro, é comum que faça bastante calor. Assim, que tal levar os pequenos para explorar e conhecer melhor a cidade em que eles moram? Você pode fazer passeios em parques, museus, teatros, praças, entre outros. Duas opções legais e que saem do “lugar comum” são levá-lo para conhecer o seu ponto turístico preferido ou mostrar lembranças da sua infância na cidade, por exemplo.

As atividades ao ar livre e o contato com a natureza são importantes para o desenvolvimento das crianças e também ajudam a estimular a criatividade e o contato social. Ainda, com certeza você irá se divertir passando mais tempo com os seus pequenos e mostrando novos lugares para eles!

SESSÃO PIPOCA

Deu vontade de ficar em casa? Sem problemas! Uma sessão de filme com pipoca sempre vai bem, não é mesmo? Você pode aproveitar para convidar os amigos dos seus filhos para deixar a sessão ainda mais divertida para todos!

Ainda, essa ação faz com que os pequenos não percam o contato com os amigos durante as férias, mantendo vivo o vínculo da amizade e da parceria enquanto eles estão de folga.

BRINCADEIRAS À MODA ANTIGA

Jogos de tabuleiro e de cartas, mímica, amarelinha, pipa, andar de bicicleta, jogar futebol, bolinha de gude, brincar com bonecas e/ou carrinhos... são várias as brincadeiras “analógicas” e lúdicas que as crianças podem fazer durante as férias.

Essas atividades estimulam a criatividade e a imaginação. Também, quando feitas em grupo, ajudam no desenvolvimento do pensamento estratégico e do trabalho em equipe.

Ainda, quando os pais participam dessas atividades, eles fortalecem os vínculos com os filhos e ajudam a criar memórias que ficarão vivas para sempre na cabeça do pequeno. Quem não se lembra da primeira vez que andou de bicicleta, empinou uma pipa ou aprendeu alguma brincadeira legal com os pais?

APRENDENDO A COZINHAR

Saber cozinhar é uma característica muito importante na vida adulta e, assim como vários hábitos, é algo que pode ser adquirido e desenvolvido desde cedo. Para isso, no período de férias, o pequeno também pode aproveitar para aprender a cozinhar com a ajuda dos pais.

Assim, que tal ensinar as crianças a fazer um delicioso brigadeiro de panela ou um bolo de chocolate? Ou perguntar qual é o prato preferido delas e, então, prepará-lo juntos? Ou, quem sabe, apresentar novos alimentos saudáveis para deixar a rotina dos pequenos mais saborosa? As opções são infinitas!

Vale lembrar que é fundamental a criança sempre estar acompanhada de um adulto quando estiver cozinhando, viu?

Além dessas dicas, você também pode aproveitar as férias escolares para incentivar o pequeno a criar e/ou desenvolver o hábito da leitura, matriculá-lo em algum curso de verão ou uma colônia de férias, fazer artesanato em casa, levá-lo para fazer algum projeto voluntário... as opções são diversas! Agora é só ver quais são as preferidas da criançada e colocá-las em prática. Como o período de férias é longo, você pode experimentar todas elas, pouco a pouco.

Gostou das nossas dicas? Então continue acompanhando o Blog Assaí para conferir muitas outras informações legais para o seu dia a dia!

Você também pode
gostar de:

Compartilhe

6 destinos para relaxar junto à natureza

Confira algumas dicas de cidades para relaxar junto à natureza e em família

Tá pensando em fazer uma boa viagem para descansar e relaxar junto à natureza? A gente sabe aonde te levar!

Muitos estão acostumados com os agitos da cidade, mas chega uma hora que a melhor coisa a se fazer é voltar às origens ou procurar um refúgio com belas paisagens para aliviar o estresse e curtir com a família ou amigos.

Com o dia a dia de trabalho, correria e cansaço, a dica é planejar as férias ou aproveitar um feriado para escapar da rotina. Quer saber como?

 

PROGRAME O DESTINO

Na hora de escolher o lugar perfeito para se “desconectar”, a dica é programar a viagem com antecedência para evitar dores de cabeça e buscar informações extras sobre o destino para organizar um itinerário sobre o que fazer e onde ir nos dias de estadia.

De norte a sul do país, opções não faltam para os turistas que querem conhecer destinos mais sossegados, que oferecem aquele descanso merecido, sem o agito das cidades grandes.

E que tal conhecer alguns destinos que são ideais para passar uma temporada em meio à natureza e relaxar por completo? Veja aqui no Blog Assaí!

 

DOMINGOS MARTINS (ES)

A cidade fica a pouco mais de 40 quilômetros da capital, Vitória. É emoldurada por um dos principais cartões-postais do estado: a Pedra Azul, formação rochosa de 1822 metros de altitude com tonalidades belíssimas que mudam de cor de acordo com a incidência do sol.

No Parque Estadual Pedra Azul, é possível encontrar trilhas, mirantes, cachoeiras e piscinas naturais para a diversão de toda a família. “Para quem curte turismo ecológico e de aventura, esse destino é ideal”, afirma Halyson Valadão, COO do Guichê Virtual.

Com o clima ameno da serra e ambiente com muito verde, o visitante também pode aproveitar espaços de agroturismo e provar as delícias locais, levando para casa doces artesanais de mel, licor, chocolate, entre outros.

 

CAPITÓLIO (MG)

Conhecida como “Mar de Minas”, Capitólio fica junto à Serra da Canastra e ao Lago de Furnas, considerado um dos maiores lagos artificiais do mundo. A cidade está entre os destinos favoritos de quem busca belas paisagens, com cânions de até 20 metros de altura.

Os viajantes vão se deslumbrar com piscinas naturais, montanhas, cavalgadas e muitas outras atrações. Em um passeio de barco ou lancha, o turista conhece lugares de tirar o fôlego, como o Vale dos Tucanos, Cascatinha, Canyon de Furnas, Cachoeiras do Sabiá, Lagoa Azul, Pedra Ancorada e Mirante dos Cânions.

Capitólio conta com uma boa infraestrutura de pousadas e restaurantes, que oferecem pratos à base de peixe (traíras e tilápias), além, é claro, do tradicional frango caipira.

 

CALDAS NOVAS (GO)

Um dos destinos mais recomendados para descansar em meio à natureza é Caldas Novas. O oásis no meio do Centro-Oeste do país tem piscinas de água quente que proporcionam relaxamento, além de benefícios para a saúde. A cidade oferece dezenas de opções de hotéis e clubes de água quente, com atrações para toda a família.

Além de tirar o dia para repousas, vale guardar um tempinho para visitar lugares como o Casarão dos Gonzaga, com artesanato local, e o Jardim Japonês, que proporciona uma experiência deliciosa e tranquila de contato com a natureza.

 

CAMPOS DO JORDÃO (SP)

A proximidade com a capital paulista faz de Campos do Jordão um dos destinos mais procurados para fugir do agito das praias. Fora da temporada de inverno, a “Suíça brasileira” fica ainda mais tranquila e acolhedora, mas não perde aquele charme que lembra as cidades europeias.

No alto da Serra da Mantiqueira, a cidade tem diversão garantida para toda a família, que, durante o dia, pode passear pelas ruas charmosas e repletas de lojas de malha e chocolate e, à noite, curtir um bom restaurante no centrinho do Capivari.

Para os amantes do ecoturismo, as trilhas de Pedra do Baú, Bauzinho, Horto Florestal e Pico do Itapeva. Quem busca programas culturais, vale a visita ao Palácio Boa Vista.

Entre as atrações gastronômicas, destaque para a casa Baden Baden, que traz no cardápio cervejas artesanais e pratos típicos alemães, e o Confraria do Sabor, com receitas famosas assinadas pelo chef Fernando Couto.

 

PRESIDENTE FIGUEIREDO (AM)

Presidente Figueiredo pode ser “fora de mão” para os turistas do centro e do sul do país, mas com certeza é o destino ideal para os viajantes que almejam conhecer de perto um pedaço da Floresta Amazônica.

A cidade fica a pouco mais de 120 km de Manaus e é conhecida como a “Terra das Cachoeiras”, uma vez que, no local, existem mais de cem para o turista explorar. Entre as inúmeras cachoeiras, grutas, quedas-d’água e cavernas que a cidade abriga, as melhores opções são a Cachoeira da Pedra Furada, da Porteira e Cachoeira do Santuário.

 

PETRÓPOLIS (RJ)

Para fugir dos milhares de turistas que invadem o Rio de Janeiro na temporada de verão, nada melhor que subir a serra e desembarcar em Petrópolis. A cidade circundada pela Mata Atlântica oferece experiências inesquecíveis, especialmente para os visitantes que curtem arquitetura e história.

Entre as atrações, está o Museu Imperial, que já serviu como palácio de verão para o imperador D. Pedro II. O espaço reúne mobiliário, joias e documentos dos tempos da monarquia, além de um belo jardim para caminhadas e momentos de descontração ao ar livre.

A partir de Petrópolis, é possível visitar outras localidades, como o famoso centro de compras em Itaipava, e as belas paisagens de Teresópolis, não deixando para trás o passeio pelo Parque Nacional da Serra dos Órgãos.

 

Agora é escolher onde você quer passar um momento relaxante junto à natureza e colocar o pé na estrada!

Continue com o Blog Assaí e leia mais matérias exclusivas para o seu dia a dia!

Você também pode
gostar de:

Subscrever RSS - férias