Compartilhe

Empreendedores e a sua arte de aprender

O Brasil é um dos países que mais se destaca com novos empreendedores em todo o mundo

Ter sucesso no próprio negócio é o desejo de milhares de empreendedores. Mas não basta abrir uma empresa. Vai muito além disso. É preciso desenvolver a arte empreendedora e fazer a diferença dentro do mercado.

Verbo transitivo direto, “empreender” carrega em significado semântico o poder de decidir e realizar uma tarefa trabalhosa. No dicionário, tem como referência figurativa “uma travessia arriscada". Para o bem ou para o mal, o principal sinônimo para os empreender é  arriscar.

E, por muito tempo, acreditava-se que os primeiros passos para empreender eram ter uma boa ideia e possuir o dom para o negócio. De um tempo para cá, essa suposição vem dando espaço a técnicas básicas e necessárias para a estruturação de um negócio.

Todo mundo pode ser um empreendedor?

A boa ideia é aquela que sai do papel e gera um impacto positivo na sociedade. Por isso, não é uma matemática exata ou um manual certeiro de ação.

No Brasil, a pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) revelou que quatro em cada dez brasileiros adultos já possuem um negócio ou estão envolvidos com a criação de uma empresa. Mas só a vontade basta? Não! A arte de empreender vai muito além de grandes ideias. Envolve estudo, análise e, principalmente, segurança emocional. No meio de tantos altos e baixos, alcançar a linearidade nos resultados não é nada fácil.

Nada de desânimo!

Ninguém disse que seria fácil, né? Por isso, colher os louros tem um gosto ainda mais especial para os empreendedores. Desistir diante da primeira adversidade não faz parte da rotina!

O mercado incentiva e precisa de novas ideias. A exemplo disso, o Sebrae e a Fundação Getúlio Vargas realizaram um comparativo do crescimento e da importância dos empreendedores para a economia do Brasil. Segundo a pesquisa, mais de um quarto do PIB brasileiro é gerado pelas pequenas empresas.

Um país de futuros empreendedores

A pesquisa do GEM pontuou um cenário repleto de otimismo para o Brasil. Segundo o levantamento, o brasileiro continua sendo um dos povos que mais acredita em boas oportunidades em curto prazo.

Além disso, o estudo registrou uma preocupação maior dos empreendedores brasileiros em relação à necessidade de estarem mais preparados para começar um novo negócio.

4 técnicas para empreendedores

Se você faz parte do número de brasileiros que tem esse sonho, separamos dicas importantes para dar o pontapé inicial no mundo dos empreendedores. Confira: 

1. Análises e providências prévias

O primeiro passo é fazer uma análise prévia e minuciosa. A ideia aqui é identificar e tentar prever todas as necessidades burocráticas do seu negócio. Assim, você evita aborrecimentos futuros.

2. Arquitetura e estrutura

No próximo passo, você deve mapear as necessidades do seu negócio. Desde a estrutura física até equipamentos e utensílios que serão utilizados no dia a dia.

Não se esqueça de sempre pensar no bem-estar como um todo: tanto do seu empreendimento quanto do meio ambiente. O ideal é sempre encontrar um equilíbrio entre as duas necessidades.

3. Formação de preços, vendas, volume e crescimento

O terceiro passo é a combinação das variáveis de marketing na intensidade certa e no tempo certo. Fazer os cálculos para chegar ao preço certo, o volume de produção, pensar nas estratégias de comunicação com o público e a forma de crescimento.

4. Plano de Negócios

Encerrados os levantamentos prévios, o próximo passo é reunir todas essas informações no Plano de Negócio. É o documento que especifica, em linguagem escrita, um negócio que se quer iniciar ou até mesmo um que já está em andamento.

É por meio desse instrumento que você reduz o grau de incerteza de um negócio e define claramente o objetivo e as metas. Além disso, criam-se indicadores de desempenho e a possibilidade de simular diversas situações.

Você também pode
gostar de:

Chá com Água Gelada: entre nessa tendência deliciosa com Leão!

Inove no consumo de bebidas, com o Chá com Água Gelada da Leão!  

relógio de ponteiro amarelo com papel atrás - economia de tempo - Assaí Atacadista

Economia de tempo: 5 estratégias para ser mais produtivo

Veja como praticar a economia de tempo e tenha uma rotina mais produtiva!

caixas e gondolas com produtos na loja do Assaí Atacadista de Jóquei - BA

Serviços do Assaí: conheça as facilidades do atacado para você!

Conheça os serviços do Assaí Atacadista e venha fazer suas compras economizando!

Fornecedores do Assaí.

Empresas e indústrias de confiança com produtos de qualidade!