Conteúdo principal

como é feito o chocolate

Compartilhe

Saiba como o cacau se transforma em chocolate

O processo de transformação das sementes de cacau em chocolate é cuidadoso, a fim de que seja feito um produto de qualidade e com muito sabor!

Você já se perguntou como é feito o chocolate a partir da semente de cacau? Já que estamos nos aproximando da Páscoa, resolvemos explicar como é produzido o chocolate tradicional, desde a colheita do fruto até chegar aos consumidores.

A PRODUÇÃO DE CACAU

Assaí Atacadista - Saiba como o cacau se transforma em chocolate

Vamos falar sobre o cacau? O Theobroma cacao (nome científico) é um fruto do cacaueiro e sua origem é 100% brasileira, extraído da bacia hidrográfica do rio Amazonas.

Existem diversos produtores de cacau no mundo e o Brasil é o sétimo maior da atualidade (fonte: www.gov.br/agricultura), com atividade principal nos estados da Bahia e do Pará.

O fruto era muito usado para se fazer uma bebida bem parecida com o café, com as sementes secas, torradas, moídas e misturadas à água, de sabor amargo e picante. Aos poucos, foram-se desenvolvendo novas receitas e versões para consumir a iguaria, até que se descobriu como extrair a manteiga de cacau.

A partir disso, a manteiga de cacau tornou-se o principal ingrediente na produção do chocolate, mas a sua extração exige vários processos até que consigam separá-la do fruto.

COMO SE FAZ CHOCOLATE

Assaí Atacadista - Saiba como o cacau se transforma em chocolate
Tudo começa com a colheita dos frutos maduros, separando os de melhor qualidade, para se retirar a amêndoa de cacau.

Podemos dividir a primeira etapa desse processo em:

- Plantio de cacau, feito em florestas com bastante sombra.
- Colheita e separação dos frutos de maior qualidade, feita manualmente. Cada fruto contém em média 45 sementes. 
- Fermentação das sementes, em que a cor e o odor mudam e o sabor amargo diminui.
- Secagem: após alguns dias de fermentação, as sementes estão prontas para a secagem, que é feita ao natural, em barcaças.
- Armazenamento: as sementes secas são armazenadas e estão prontas para serem distribuídas às fábricas de chocolate.
 

Depois disso, ocorre a segunda fase, agora sim com a produção direta do chocolate:

- Limpeza, torra e descascagem das sementes, desenvolvendo cor, aroma e sabor.
- Moagem e prensagem das amêndoas (nibs) – separação do produto em manteiga de cacau e torta de cacau (uma parte é dissolvida e misturada ao açúcar para fazer chocolate em pó e outra é usada para produzir chocolate).
- Definição do tipo de chocolate a ser produzido: ao leite (torta de cacau misturada com açúcar cristal, manteiga de cacau e leite), amargo (sem leite) e branco (predomina manteiga de cacau e açúcar).
- Massa de cacau com o refino do nibs (sementes de cacau descascadas e quebradas).
- Conchagem – a massa recebe nova adição de manteiga de cacau e é mantida em movimento constante, retirando a acidez e a umidade, já com sabor e aroma de chocolate.
- Temperagem – aqui, o chocolate passa por diversas trocas de temperatura, a fim de cristalizar a manteiga de cacau e a pasta ficar na consistência ideal para ser moldada.
- Mistura e moldagem – a pasta é colocada em fôrmas e são adicionados os ingredientes desejados. Depois, são resfriados até ficarem sólidos.
 
Depois disso, o chocolate em seu estado final é embalado pelos fabricantes e distribuído para diferentes tipos de comércio em todo o Brasil. As grandes barras de chocolate fracionado e chocolate nobre (em porcentagem) são vendidas para quem fabrica doces artesanalmente ou pequenos comércios, que revendem esses produtos.

Assaí Atacadista - Saiba como o cacau se transforma em chocolate

Já para o consumidor final, chega uma infinidade de produtos, com diversos sabores, marcas e tipos de chocolate, prontos para saborear. Na época de Páscoa, as fábricas mudam um pouco o processo de produção, principalmente nos processos de mistura e moldagem, para fazer o chocolate no formato de ovos (de diversos tamanhos), vários meses antes, a fim de entregar tudo a tempo e marcar presença em varejistas e atacadistas grandes, como o Assaí.

Ufa! É um processo um tanto quanto complexo, mas delicioso de se ver e conhecer, não é mesmo? Uma semente tão singela é capaz de ser insumo para tantas delícias e fazer a felicidade de muitas pessoas que amam chocolate.

E você, gostou de aprender mais sobre a fabricação desse doce incrível e dos processos de pré-produção das sementes de cacau? A gente adorou essa viagem em homenagem à Páscoa!

Fique de olho no Blog Assaí para mais conteúdos interessantes, bem como dicas para facilitar o preparo de receitas no seu dia a dia, notícias sobre empreendedorismo, organização da casa, limpeza e muito mais. Até a próxima!

Você também pode
gostar de:

Subscrever RSS - como é feito o chocolate