Compartilhe

Brasília: conheça a história da cidade desenhada à mão

Referência arquitetônica, musical, cultural e política, Brasília reserva inúmeras surpresas, que vão do turismo aos negócios. Confira! 

A capital federal do Brasil, Brasília, foi construída e pensada nos mínimos detalhes. Já foi palco de inúmeras manifestações culturais e é o centro das decisões políticas do país. Tema de músicas e referência literária, a cidade possui mais de 3 milhões de habitantes, segundo o último senso do IBGE (2016).

A construção de Brasília demandou três anos e meio. A cidade foi constituída a partir de um projeto urbanístico moderno, fora dos padrões brasileiros de arquitetura. E as inovações não se limitaram a isso. No ano de 1960, foi selado o destino da capital federal: ela tornou-se sede do poder político e a cidade dos concursos públicos distritais e federais.

Um novo planeta

A construção de Brasília pode parecer recente, mas o processo começou lá no século XVIII. Marquês de Pombal, na época Secretário de Estado do Reino, acreditava em um processo de interiorização da capital brasileira, pelo fato de considerar que o interior do país seria mais seguro, longe dos portos marítimos.

Esse pensamento foi o primeiro passo para a execução do projeto, que envolveu os arquitetos Lúcio Costa, escolhido por meio de concurso público nacional, e Oscar Niemeyer, responsável pelos projetos dos principais prédios públicos da cidade. Ambos ainda contaram com cálculos estruturais do engenheiro Joaquim Cardoso.

A cidade foi construída em tempo recorde, mas a transferência efetiva da infraestrutura governamental só ocorreu durante os governos militares, já na década de 70. Tudo isso porque a cidade gerava muito estranhamento, devido aos traços e às construções modernas. Tanto que, em 1961, o primeiro homem a viajar para o espaço, o cosmonauta Yuri Gagarin, declarou se sentir em outro planeta. "Tenho a impressão de que estou desembarcando num planeta diferente. Não na Terra", pontuou na época.

Berço do rock

E não foram só as construções modernas e ousadas que destacaram Brasília. No cenário musical, a capital do Brasil foi palco do surgimento de bandas que, futuramente, configurariam o primeiro passo da representatividade do rock nacional.

Na década seguinte à inauguração de Brasília, Renato Manfredini Júnior começou a reunir os músicos que seriam os precursores do estilo no país. A banda Aborto Elétrico durou pouco tempo e não deixou nenhuma gravação. Só alguns registros amadores, mas deixou um grande legado, já que seus membros formaram, posteriormente, a Legião Urbana e o Capital Inicial.

Esse processo incentivou a cena cultural nacional, principalmente com o surgimento de outras bandas locais, como Plebe Rude e Escola de Escândalo. Esta última tida como a "grande banda perdida" do rock brasiliense. Com o estouro dessas bandas, as gravadoras começaram a buscar por mais produções locais, o que deu mais visibilidade e fama à região.

Até hoje, Brasília surpreende com suas produções em diversos gêneros musicais, como, por exemplo, a banda Natiruts, que representa a veia reggae da região, e Sapatos Bicolores, com uma pegada mais indie e folk.

Palco de novos negócios

Nos negócios, a terra brasiliense, aos poucos, vem se destacando. Atualmente, é considerada a 16ª cidade mais empreendedora do país. O dado é oriundo de uma pesquisa que avaliou 32 cidades empreendedoras do Brasil, promovida pela Endeavor Brasil e publicada em novembro de 2016.

Pouco a pouco, a capital dos concursos públicos dá espaço à pluralidade de novos empreendimentos na região. Ávida por uma rotina com mais liberdade de ideias, a nova geração brasiliense busca mais independência financeira.

As belezas brasilienses

Essas mudanças são acompanhadas de perto por cenários atemporais, como o Museu Nacional da República, que integra o Conjunto Cultural da República. O espaço insere Brasília no circuito internacional das artes e mostra o que há de melhor na arte brasileira. É utilizado para exposições itinerantes de artistas renomados e mostra temas importantes para a sociedade, além de palestras, filmes, seminários e eventos relevantes.

Não tão longe dali, a Catedral Metropolitana de Nossa Senhora Aparecida impõe-se na paisagem da capital. Popularmente é mais conhecida como Catedral de Brasília. Foi pojetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, sendo o primeiro monumento a ser criado em Brasília. Sua estrutura hiperboloide foi construída a partir de 16 colunas de concreto (cada uma pesa 90 toneladas). Seus vitrais são de autoria da artista plástica Marianne Peretti.

As águas do lago artificial da cidade, Lago Paranoá, refletem uma das obras de maior impacto: a Ponte Juscelino Kubitschek. A obra também é conhecida como Ponte JK ou Terceira Ponte. O projeto liga o Lago Sul, Paranoá e São Sebastião à parte central de Brasília.

A capital do Brasil reserva inúmeras descobertas e possui histórias em cada canto. Se você mora na cidade ou está a passeio, não se esqueça de conferir as ofertas especiais das lojas Assaí Atacadista. Além de economizar com os preços baixos, você garante a qualidade dos produtos para a sua casa ou para o seu comércio.

Gostou do conteúdo e das histórias de Brasília? Então compartilhe nas redes sociais com os amigos e familiares! Estar com você. Esse é o nosso negócio!

 

 

 

 

Você também pode
gostar de:

lupa com hamburguer com um mapa mundial no fundo - hamburgueres exóticos - Assaí Atacadista

Hambúrgueres exóticos - uma jornada gastronômica ao redor do mundo

Descubra quais são os hambúrgueres exóticos ao redor do mundo!

fundo vermelho com fita métrica relógio e prato de comida - receitas rápidas - Assaí Atacadista

4 receitas rápidas e saudáveis para comer no dia a dia

Economize tempo preparando estas receitas rápidas para comer!  

pessoas diversas conversando sobre gestão de restaurante com papeis na mesa - Assaí Atacadista

Gestão de restaurante: 8 mandamentos para o sucesso

Os conhecimentos básicos sobre gestão de restaurante estão aqui

Fornecedores do Assaí.

Empresas e indústrias de confiança com produtos de qualidade!